Atego 2430 é referência em conforto e economia entre os semipesados

Além do câmbio automatizado Mercedes Powershift, o modelo conta com a tecnologia EcoRoll e itens de conforto para o condutor.

A partir de Abril, a Mercedes-Benz começa a fabricar o novo Atego 2430 6×2, primeiro modelo com o conceito Econfort, que adota novos padrões de economia, conforto e desempenho.

O veículo conta com câmbio automatizado Mercedes Powershift de 12 marchas, que otimiza o consumo de combustível e traz comodidade e conforto para o motorista, além do novo eixo traseiro HL-4, nova suspensão da cabina e interior totalmente renovado com banco pneumático e opção de cama king size.

“O modelo passa a ser a nova referência no segmento de caminhões semipesados, agregando mais valor para os clientes e elevando o padrão de conforto para o motorista. Isso resulta em maior produtividade e rentabilidade no transporte de carga”, afirma Gilson Mansur, diretor de Vendas e Marketing de Caminhões da Mercedes-Benz do Brasil.

O destaque fica para o motor OM 926 LA com potência de 286 cavalos e o maior torque da categoria, que supera os concorrentes em até 32%. O resultado é visível: melhores acelerações e retomadas, manutenção de velocidades mais altas e menos trocas de marcha, tudo para proporcionar economia de combustível e maior agilidade.

Além de mais robusto, o Atego 2430 também está mais confortável! O veículo agora conta com o novo sistema de suspensão da cabina, que melhora o isolamento das vibrações e o amortecimento das irregularidades da via e novo banco pneumático do motorista com espuma de alta densidade e novas regulagens. Para as cabinas Leito Teto Baixo (LTB) e Leito Teto Alto (LTA) está disponível como item opcional a inédita versão king size, cama dupla que assegura excelente nível de conforto, graças ao maior espaço disponível (meio metro a mais na largura). Com todos esses atributos, o Atego 2430 é a opção certa para quem busca excelente performance aliada à versatilidade, seja para distribuição urbana ou para médias e longas distâncias rodoviárias!

Fonte: http://blogcaminhao.mercedes-benz.com.br/